USCIS DESTACA 10 MUDANÇAS QUE DIFICULTAM PEDIDOS DE IMIGRAÇÃO

Os ajustes impactam os vistos de trabalho, "green card" e outros processos.


Publicado em 24 Março 2019

Compartilhe:      

USCIS DESTACA 10 MUDANÇAS QUE DIFICULTAM PEDIDOS DE IMIGRAÇÃO

O Escritório de Serviços de Imigração e Cidadania (USCIS) implementou pelo menos 10 iniciativas que impactam imigrantes e não-imigrantes.

 

Os ajustes que ficaram a cargo de Francis Cissna estão focados no acompanhamento das ordens executivas do presidente Donald Trump, principalmente "American Purchase, Hire Americans".

 

Essas mudanças não exigem aprovação do Congresso, pois são regras de funcionamento em diferentes tipos de vistos de trabalho e residência legal permanente, entre outros.

 

"Nosso objetivo é aplicar a lei de imigração do país de forma eficaz, eficiente e legal", disse o USCIS em uma mensagem no Twitter, onde compartilhou as 10 mudanças mais importantes. "Conheça dez melhorias em que estamos trabalhando para a integridade do sistema de imigração."

 

1. Notificação de Comparecimento (NTA)- Para imigrantes a quem foi negado um benefício migratório e não podem permanecer no país.

 

2. Os "novos indocumentados"- Focado em estudantes cujas permissões para permanecer no país terminaram e devem deixar os EUA ou serão considerados indocumentados.

 

3. Dados biométricos- Fortalecimento do processo de impressão digital e fotografia para imigrantes que se candidatam a um benefício migratório, com o objetivo de evitar fraudes.

 

4. Asilo- Implementação do plano "o último por primeiro, o primeiro no final", que permite que os oficiais revejam casos recentes de asilo, em vez daqueles com anos no sistema.

 

5. Mais provas- O escritório destaca a importância desta medida para "Para garantir que os peticionários cumpram com o ônus da prova", isto é, se um funcionário da imigração considerar que são necessários mais elementos para avaliar o pedido, ele pode solicita-los, o peticionário deve estar atento a isso.

 

6. Abusos de H-1B- Como parte da ordem executiva "Americanos compram, contratem americanos" as regras para este visto de trabalho foram reforçadas, a fim de evitar que os empregadores tentem burlar as regras com a contratação desnecessária de estrangeiros.

 

7. Visitas surpresa- Os agentes de migração realizam mais visitas em espaços de trabalho para garantir que os estrangeiros contratados façam o trabalho para o qual foram solicitados e recebam o que é oferecido.

 

8. Proteção trabalhista. - As novas revisões para concessão de vistos de emprego também buscam evitar a discriminação contra trabalhadores e residentes permanentes dos EUA.

 

9. Cooperação interinstitucional. - A agência compartilha e solicita informações com outros órgãos federais, como o FBI e a Receita Federal, com o objetivo de melhorar as investigações de imigrantes e não-imigrantes.

 

10. Melhor regulamentação- Esta unidade propôs novas regras ao Congresso, a fim de melhorar seus processos e endurecer os pedidos de visto, como o EB-5 (para investidores), a definição de "encargo público" para não conceder benefícios aos imigrantes que podem ser um problema financeiro para o governo e a eliminação de categorias de trabalhadores estrangeiros.

 

Law Office of Witer DeSiqueira

Fonte: www.laopinion.com

 

OBS.: O propósito deste artigo é informar as pessoas sobre imigração americana, jamais deverá ser considerado uma consultoria jurídica, cada caso tem suas nuances e maneiras diferentes de resolução. Esta matéria poderá ser considerada um anúncio pelas regras de conduta profissional do Estado da Califórnia e Nova York. Portanto, ao leitor é livre a decisão de consultar com um advogado local de imigração.