O FECHAMENTO DO GOVERNO AFETA AS OPERAÇÕES DA ICE E DO USCIS?


Publicado em 09 Janeiro 2019
La Opinión

Compartilhe:      

O FECHAMENTO DO GOVERNO AFETA AS OPERAÇÕES DA ICE E DO USCIS?

Assim é como impactam à estas dependências a decisão do presidente Trump em sua batalha por $5,6 milhões de dólares.

 

O fechamento do governo que já soma 15 dias e tem efeitos em várias áreas, mas no caso dos escritórios do Departamento de Segurança Interna (DHS) esses impactos são parciais, pois são considerados essenciais para os Estados Unidos.

 

Isso inclui os escritórios de Proteção de Alfândega e Fronteiras (CBP), e o escritório de Imigração e Alfândega (ICE), que são considerados "necessários para preservar a segurança da vida humana ou proteção da propriedade humana", indica a organização New Americans.

 

Isso significa que "La Migra" continua suas investigações e operações para prender imigrantes sem documentos durante o conflito entre o Congresso e o presidente Donald Trump por US $ 5.600 milhões para a construção do muro na fronteira.

 

Além disso, a agência de Cidadania e Serviços de Imigração (USCIS) opera em grande parte com recursos dos requerentes de seus serviços, ou seja, com os valores advindos de todos os imigrantes e solicitantes de vistos e de autorizações de trabalho.

 

"A maior parte do financiamento do USCIS é derivado de taxas pagas por pessoas que se submetem à aplicações para solicitar benefícios e serviços de imigração", confirmou a agência em um relatório sobre o encerramento do governo no início de 2018. "Recebe mais de 95% de seu financiamento anual das receitas de taxas cobradas para apoiar o processamento dos casos de imigração desses indivíduos”.

 

Em dezembro, quando o atual fechamento começou, o USCIS indicou que os migrantes poderiam comparecer às suas consultas para retirada de impressões digitais, bem como as entrevistas.

 

Uma imigrante entrevistada, que preferiu omitir seu nome, confirmou que em 3 de janeiro, foi ao escritório do USCIS em Hicksville, Nova York, para continuar seu processo de naturalização, onde pode tirar as suas impressões digitais, tirar uma foto e receber o seu livro de estudo cívico para o seu exame.

 

Outras áreas afetadas, porque necessitam de recursos públicos, são:

 

  • O Programa EB-5 do Centro Regional de Imigrantes. Esses centros promovem o crescimento econômico nos EUA e o USCIS designa centros regionais para participação no Programa de Investidores Imigrantes.
  • Médicos com um visto J-1. Este programa permite que os médicos J-1 solicitem uma isenção do requisito de residência de dois anos após a conclusão do programa de visitantes de intercâmbio.
  • Trabalhadores religiosos não ministeriais. Esta categoria especial de imigrantes permite que não-ministros em vocações e ocupações religiosas imigrem ou ajustem o seu status nos Estados Unidos para realizar trabalhos religiosos em uma posição remunerada em tempo integral.

 

Mais informações: www.uscis.gov

Quanto ao restante do DHS, aproximadamente 85% dos funcionários continuariam a trabalhar, de acordo com o Serviço de Pesquisa do Congresso (CRS), informou a New Americans.

 

Law Office of Witer DeSiqueira

 

Fonte: www.laopinion.com

 

OBS.: O propósito deste artigo é informar as pessoas sobre imigração americana, jamais deverá ser considerado uma consultoria jurídica, cada caso tem suas nuances e maneiras diferentes de resolução. Esta matéria poderá ser considerada um anúncio pelas regras de conduta profissional do Estado da Califórnia e Nova York. Portanto, ao leitor é livre a decisão de consultar com um advogado local de imigração.


Fonte: La Opinión